Tradição à mesa
A Padaria Portuguesa apresenta sugestões de Páscoa

Para uma Páscoa mais doce, A Padaria Portuguesa apresenta duas propostas típicas da época, os tradicionais folar e ninho de Páscoa, este último coberto com fios de ovos e amêndoas de chocolate. À venda em dois fins-de-semana alargados, de 21 a 24 de março e de 28 a 31 de março, as sugestões estarão disponíveis nas 64 lojas da marca.

Texto: Redação «human»

.

Produzidos nas fábricas de Marvila e do Bom Sucesso d’A Padaria Portuguesa, os doces típicos de Páscoa não fogem à regra e são feitos a partir de matérias-primas de qualidade, como as farinhas de moleiro, já reconhecidas por serem mais nutritivas e saborosas, um ingrediente que A Padaria Portuguesa usa em todos os seus produtos de padaria e pastelaria.

Seja para oferecer aos afilhados, como manda a tradição, ou para servir como sobremesa, o folar de Páscoa é indispensável na mesa de todos os portugueses nesta quadra festiva. Com uma receita que vai ao encontro do receituário português, o folar de Páscoa d’A Padaria Portuguesa é decorado com um ovo biológico cozido, colocado ao centro. Já o ninho de Páscoa promete conquistar no olhar e no paladar: um pão de ló húmido, adornado com fios de ovos e amêndoas de chocolate.

Ideais para oferecer ou para saborear, as sugestões d’A Padaria Portuguesa também vão estar disponíveis nas plataformas delivery Uber Eats, Glovo e Bolt.

Os preços são os seguintes:

– Folar de Páscoa – 4,95 euros/ unidade

Delivery (Uber Eats, Glovo e Bolt) – 6,25 euros/ unidade

– Ninho de Páscoa – 19 euros/ unidade

Delivery (Uber Eats, Glovo e Bolt) – 24 euros/ unidade

A Padaria Portuguesa nasceu em 2010, com a missão de desenvolver uma rede de padarias e pastelarias de bairro, oferecer produtos de fabrico próprio através de um atendimento personalizado, num espaço acolhedor, convidando os portugueses a tomar o pequeno-almoço fora de casa por uma excelente relação qualidade-preço.

Em 2023, com quase 13 anos de mercado, fez a sua expansão para o Porto e conta agora com 64 lojas em território nacional e duas fábricas de produção própria.

A empresa assou por um processo de reposicionamento em 2022 – renovou a sua imagem e o seu conceito e reforçou a sua missão de entregar ao cliente uma oferta de produtos com base em matérias-primas de maior qualidade, privilegiando a origem local e o menor impacto ambiental.

Este posicionamento está assente em três eixos de diferenciação chave – i) café orgânico; ii) farinhas de moleiro; e iii) economia circular. A Padaria Portuguesa serve nas suas lojas um blend exclusivo de café orgânico oriundo de fazendas certificadas nas Honduras, no Peru, na Índia e no Congo. Todos os produtos de padaria e pastelaria são feitos com uso exclusivo de farinhas de moleiro, mais nutritivas e saborosas. E com o objetivo de transformar os maiores desperdícios em loja – borras de café e cascas de laranja – em novos recursos, A Padaria Portuguesa aposta em projetos de economia circular, como é exemplo a parceria com a Nãm Mushroom Farm, para reutilização das borras do café geradas em todas as lojas para a produção de cogumelos que são ingredientes base de deliciosas sandes e saladas, e a compota de laranja, feita na fábrica de Marvila, produzida com as cascas das laranjas dos sumos naturais servidos nas lojas.