Nutrição consciente
Decifrando a importância da alimentação na performance mental

No universo corporativo onde a busca pela excelência e pela alta performance é incessante, muitas vezes negligenciamos um fator fundamental para o sucesso: a alimentação. A conexão entre o intestino e o cérebro torna-se crucial, uma vez que o intestino é frequentemente chamado de nosso segundo cérebro.

Texto: Márcia Miranda

.

Este artigo explora a importância da nutrição na otimização da performance mental, destacando como a microbiota intestinal e a saúde digestiva desempenham um papel vital no processo.

.

O intestino como segundo cérebro

A analogia do intestino como nosso segundo cérebro refere-se à complexa rede de neurônios que compõem o sistema nervoso entérico, situado no trato gastrointestinal. Essa «inteligência» do intestino desempenha um papel crucial na regulação do humor, na cognição e até mesmo na tomada de decisões. O estado do intestino influencia diretamente a produção de neurotransmissores essenciais, como dopamina, GABA (ácido gama-aminobutírico), serotonina e melatonina, os quais têm impacto direto na função cerebral e emocional.

.

Microbiota intestinal: o ecossistema interno

A composição da microbiota intestinal, composta por triliões de micro-organismos, é fortemente influenciada pelo que consumimos. Uma alimentação equilibrada, rica em fibras, vegetais e alimentos fermentados, promove um ambiente favorável para bactérias benéficas, que desempenham um papel vital na saúde intestinal. Por outro lado, uma dieta rica em alimentos processados e pobres em fibras pode levar a um desequilíbrio na microbiota, resultando em inflamação intestinal.

.

A inflamação intestinal e a absorção de micronutrientes

Um intestino inflamado tem dificuldade em absorver adequadamente os nutrientes essenciais, incluindo vitaminas e minerais fundamentais para a produção de neurotransmissores. A deficiência desses micronutrientes pode contribuir para distúrbios do humor, ansiedade e até mesmo comprometer a capacidade cognitiva: intestino inflamado – cérebro inflamado.

Portanto, cuidar da saúde digestiva torna-se imperativo para garantir que o nosso corpo receba os nutrientes necessários para sustentar a mente.

.

Alimentação consciente no ambiente corporativo

No agitado ambiente corporativo, muitas vezes sucumbimos à praticidade dos alimentos processados e rápidos, negligenciando a qualidade nutricional. Incorporar uma abordagem consciente para a alimentação no local de trabalho pode trazer benefícios significativos para a performance mental. Escolhas alimentares estratégicas podem contribuir para uma microbiota saudável e, consequentemente, para uma mente mais produtiva e eficaz.

.

Estratégias práticas para a nutrição consciente

– Escolhas inteligentes: priorize uma dieta equilibrada, composta por uma variedade de alimentos naturais, incluindo frutas, vegetais, grãos integrais, proteínas magras e gorduras saudáveis.

– Evite produtos alimentícios como processados, pré-confecionados, refinados,  aditivos, produtos light ou diet e açucarados.

– Hidratação adequada: a desidratação pode afetar negativamente a função cognitiva; manter-se bem hidratado é fundamental para um desempenho mental otimizado.

– Probióticos e prebióticos: integre probióticos e prebióticos como iogurte, batata-doce cozida refrigerada, chia, inulina e chucrute, para promover a saúde da microbiota intestinal.

Mindful eating: pratique a alimentação consciente, dedicando tempo para apreciar cada refeição; isso não apenas melhora a digestão como promove uma relação mais saudável com a comida.

.

Conclusão

Num ambiente corporativo cada vez mais competitivo, investir na nutrição consciente não é apenas uma escolha sábia, mas uma necessidade. Cuidar do nosso segundo cérebro através de uma alimentação equilibrada não só melhora a performance mental como contribui para uma abordagem mais holística para o bem-estar no ambiente de trabalho. Ao reconhecer a importância da nutrição na performance  corporativa, estamos a  capacitar as pessoas para atingirem o seu potencial máximo, tanto profissional quanto pessoalmente.

.

Márcia Miranda  é consultora bioquímica nutricional e especialista em naturopatia e nutrição celular. Ajuda a potenciar a saúde, o bem-estar e a alta performance no mundo corporativo. Pode acompanhar a sua atividade nas redes sociais aqui e aqui.