Bosch instala em Portugal área de Qualidade Corporativa para todo o mundo

A Bosch anunciou que Portugal é a localização escolhida para a instalação do Centro de Gestão Corporativa da Qualidade para o Grupo Bosch, cuja liderança estará a cargo do português Pedro Cardoso (na foto). Entre as responsabilidades do centro está a supervisão do sistema de gestão da qualidade de todo o grupo, assim como a definição das diretrizes corporativas e o suporte na implementação das mesmas, em cooperação com a gestão executiva divisional e a gestão da qualidade.

Pedro Cardoso assinala: «A qualidade e a inovação fazem parte do ADN da Bosch, estão embebidas na nossa história, na cultura da empresa, na estratégia de negócio, nos nossos processos, nos nossos produtos e, claro, nas nossas pessoas. Foram ingredientes fundamentais na sustentabilidade do nosso negócio ao longo de décadas e vão continuar a ser cruciais para o futuro. É um ingrediente chave para garantir um posicionamento forte e competitividade nas várias áreas de negócio em que operamos. É esse sentido que esta equipa vai continuar a trabalhar apaixonadamente.»

Na Bosch há 24 anos, Pedro Cardoso é a pessoa escolhida pela empresa para liderar uma equipa que tem como missão «manter o grupo numa posição de liderança mundial na área da Qualidade, em todos os segmentos de produtos e serviços em que a empresa opera», assinala-se num comunicado.

Licenciado pela Universidade do Minho em Engenharia Mecânica e com um mestrado em Gestão de Projetos, Pedro Cardoso tem um percurso profissional fortemente ligado às áreas de gestão da qualidade. Ingressou os quadros da Bosch como engenheiro de qualidade, tendo desde então alternado por diversas vezes entre áreas como Investigação e Desenvolvimento (I&D), Gestão de Projetos, Gestão da Qualidade e Gestão de Negócio, até regressar agora à área da Qualidade. «Acredito que esta rotação foi fundamental não só para a minha compreensão do impacto que a Qualidade tem no negócio, mas também para aperfeiçoar a minha visão de como deve ser interpretada em contexto industrial, no desenvolvimento do produto e na estratégia de negócio.»

A instalação deste centro com a coordenação a partir de Portugal para todo o mundo significa a criação de uma nova equipa, com especialistas em áreas como Segurança do Produto, Inspeção e Controlo da Qualidade, Estatística, Gestão da Comunicação da Qualidade e outras que serão futuramente anunciadas.

Pedro Cardoso refere ainda: «É um enorme reconhecimento do desempenho ao longo de décadas da Bosch Portugal, da nossa fiabilidade, dos nossos talentos e da nossa competitividade. Pela primeira vez, na nossa organização, a coordenação mundial para alguns domínios da Qualidade vai passar a ser feita a partir de Portugal, o que é ao mesmo tempo uma grande responsabilidade, mas também uma enorme oportunidade para os talentos nacionais contribuírem para a empresa, para desenvolverem as suas carreiras e para aumentarem a sua rede de contactos globais.»

A Bosch está presente em Portugal desde 1911. Atualmente, o Grupo Bosch é um dos maiores empregadores do país, com mais de 6.500 colaboradores (dados de 31 de dezembro de 2022) e tendo gerado dois mil milhões de euros em vendas internas em 2021. As áreas de negócio de Soluções de Mobilidade e Energia e Tecnologias de Edifícios estão representadas no país com localizações em Aveiro, Braga e Ovar. É nessas localizações que a Bosch desenvolve e produz soluções de água quente, sensores automóveis e soluções de infotainment e sistemas de videovigilância e comunicação, mais de 97% dos quais exportados para mercados internacionais. A empresa tem ainda centros de desenvolvimento nas diferentes localizações nos quais cerca de desenvolve soluções que estão a contribuir para moldar a mobilidade, casas e cidades inteligentes do futuro. A partir de Lisboa desenvolvem-se as atividades comerciais, jurídicas, fiscais, de marketing, contabilidade e comunicação para a Bosch a nível nacional. Esta unidade tem ainda uma equipa multicultural que desenvolve atividades para o Grupo Bosch, desde os recursos humanos partilhados, serviços de comunicação, passando pela consultoria e arquiteturas IT (tecnologias de informação) para projetos de recursos Humanos (RH), engenharia industrial e plataformas IT de produção e conectividade, consultoria em projetos de gestão industrial e do novo conceito de mobilidade Bosch eBike Systems.

O Grupo Bosch emprega cerca de 421.000 colaboradores em todo o mundo (dados de 31 de dezembro de 2022), que de acordo com os resultados preliminares contribuíram para gerar uma faturação de 88,2 mil milhões de euros em 2022.